COMUNICADO DA CASA REAL PORTUGUESA

COMUNICADO DA CASA REAL PORTUGUESA

LEI DO PROTOCOLO DO ESTADO

A CAUSA REAL NO DISTRITO DE AVEIRO

A CAUSA REAL NO DISTRITO DE AVEIRO
Autor: Nuno A. G. Bandeira

Tradutor

sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

O JANTAR DE REIS É NOTÍCIA NO JORNAL "CORREIO DO MINHO"

abaixo
Jantar de Reis ajuda a pagar obras do telhado do Sameiro
INICIATIVA decorre no próximo dia 18 no Bom Jesus, mas é antecedida de várias actividades marcadas para o centro da cidade. D. Duarte de Bragança e esposa são os convidados de honra.
Mais de 400 pessoas são esperadas, no próximo dia 18, no Bom Jesus, para participarem no Jantar de Reis. Entre elas estão os duques de Bragança, D. Duarte Pio e D. Isabel de Bragança.
A iniciativa, organizada pela sociedade civil bracarense, conta com o apoio da Associação Comercial de Braga (ACB), da Associação Industrial do Minho (AIMinho), da Arquidiocese de Braga e da Confraria de Nossa Senhora do Sameiro (CNSS).
O jantar tem como finalidade a promoção da cultura portuguesa e uma vertente solidária.
“Nele promoveremos os produtos portugueses locais, com a presença de confrarias portuguesas. Também porque o momento histórico que temos vivido de há uns anos para cá nos tem pedido mais união e cooperação. O Jantar de Reis tem como segundo objectivo a solidariedade apoiando, este ano, a recuperação do telhado da Basílica de Nossa Senhora do Sameiro”, disse Sílvia Oliveira, da organização do jantar. Para tal, cada conviva terá de desembolsar ’25 telhas’.
Além do jantar, está prevista animação durante todo o dia no centro da cidade, desde provas de vinhos, a exposições de artesanato e doçaria , passando pela actuação de vários grupos de dança e música.
Um programa que, segundo Macedo Barbosa, presidente da ACB, permite ao evento “afirmar-se como um expoente da nossa cultura” e mostrar aos turistas “o que de melhor existe em Braga e em Portugal”.
No que diz respeito à AIMinho, Gil Carvalho referiu que a iniciativa “tráz grande visibilidade ao território a nível económico, social e cultural.” Gil Carvalho disse, ainda, que o jantar de Reis vai servir, também, “para sensibilizar os industriais para a importância da recuperação do nosso património.”
E são precisamente os empresários que mais têm contribuído para a realização do evento.
“O jantar vai ser barato porque temos tido o contributo de muitas empresas”, afirmou João Russell, da CNSS.
De acordo com o Cónego José Paulo Abreu, presidente da CNSS, até ao momento foram angariados cerca de 230 mil dos 550 mil euros que custaram as obras de reparação da Basílica do Sameiro.
A CNN espera, com a realização do jantar, obter o máximo de verbas possíveis, até porque “há pessoas que não participam no jantar, mas que fazem questão de deixar a sua contribuição”, disse o Cónego José Paulo Abreu.
A organização espera, ainda, que este jantar possa dar mais dinamismo à candidatura do Bom Jesus a Património da Humanidade, por parte da UNESCO.

Sem comentários:

Enviar um comentário