23º CONGRESSO DA CAUSA REAL

LEI DO PROTOCOLO DO ESTADO

A CAUSA REAL NO DISTRITO DE AVEIRO

A CAUSA REAL NO DISTRITO DE AVEIRO
Autor: Nuno A. G. Bandeira

Tradutor

sábado, 26 de dezembro de 2015

FALECEU O ENGº JOSÉ JORGE MONIZ CORTE-REAL ASSUNÇÃO ANDRADE

 
Fotos: 2010/11 no Jantar de Reis, Braga.

A APAM (Associação Portuguesa dos Autarcas Monárquicos) apresenta as mais sentidas condolências à família do Eng. Jorge Corte-Real, nosso Conselheiro Honorário, um monárquico convicto que sempre dignificou as causas que defendeu, acreditando que existe um Portugal melhor pelo que vale a pena lutar.
Que descanse na Paz eterna.
R.I.P.
... 25/12/2015


A Direcção da APAM
 


Nota de Pesar pelo falecimento do Eng. José Jorge Moniz Corte-Real Assunção Andrade
 
Faleceu ontem (dia 24 de Dezembro), em Lisboa, o Eng. José Jorge Moniz Corte-Real Assunção Andrade, de 84 anos, dirigente histórico do Partido Popular Monárquico e actual Presidente Honorário do Partido.

O Eng. José Jorge Moniz Corte-Real Assunção Andrade era formado em Engenharia Electrotécnica, com formação nas energias renováveis, pelo Instituto Superior Técnico (aposentado). Foi, de forma ininterrupta, dirigente do Partido ao longo das últimas 4 décadas, ex-Presidente da Distrital de Lisboa do PPM por diversas vezes nas décadas de oitenta e noventa e várias vezes deputado na Assembleia Municipal de Lisboa. Exercia, actualmente, o cargo de Presidente Honorário do PPM. 

O Eng. Jorge Corte-Real manteve, até ao fim, uma militância constante e extremamente ativa no Partido. Foi um dos mais destacados dirigentes da História do PPM e do movimento monárquico português. Passou a liderar a ala ecologista do Partido após o Eng. Gonçalo Ribeiro Telles ter abandonado a liderança do Partido. Deixa, nesta área, uma vasta obra e um grande capital programático ao Partido.

Foi um grande homem. Um exemplo de humanidade e de extraordinária dedicação aos seus semelhantes. Um patriota inflexível e um homem de grande integridade. Foi ainda um extraordinário visionário na área da ecologia, quando esta estava ainda a dar os primeiros passos de afirmação e divulgação na sociedade portuguesa.

O Partido Popular Monárquico (PPM) deve-lhe quatro décadas de inexcedível entrega. Constituía uma referência moral e de militância no Partido. Estamos, naturalmente, consternados pelo seu desaparecimento. Fica a extraordinária memória da sua personalidade, o seu profundo amor a Portugal e o seu exemplo de militância no Partido, que desempenhou até ao limite das suas forças. 

O PPM envia à família enlutada as mais sentidas condolências. O corpo do Eng. José Jorge Moniz Corte-Real Assunção Andrade estará hoje em câmara ardente, a partir das 18 horas, na Igreja de São João de Deus, em Lisboa. O funeral decorrerá amanhã (dia 26 de Dezembro), a partir das 14.30 horas.
 
Lisboa, 25 de Dezembro de 2015
 
O Presidente da Comissão Política Nacional do PPM,
Paulo Estêvão
 

Sem comentários:

Enviar um comentário